23.7.11

RESPEITO PELOS POVOS!

Nem na Noruega, nem na Somália... Morte ao terrosismo e ao desprezo pelos povos!

RESPEITO PELOS POVOS!
MORTE AO TERROSISMO!

15.7.11

OBAMA O GREGO?

Não, não se trata de uma aula de geografia...
"Obama diz que os EUA não são a Grécia nem Portugal" (oooooooh)
Leia a notícia (Jornal Público), aqui

13.7.11

MEDIDAS DE AUSTERIDADE!

RATING!

CRISE?
SOLUÇÕES DE PIERROT LE FOU

MOODY'S ATACA A IRLANDA!
FUCK YOU MOODY´S!

Notícia, aqui (Económico)
1+1=2
junk (Portugal) + junk (Irlanda) = UE (dump!)
Se Portugal + Irlanda = UE (dump) então, EUA - Moody's = ?

6.7.11

MOODY'S STINKS!
(já agora, em português: "cheira a mer..")

MOODY'S NOS JORNAIS!
"YOU BASTARDS!"

(clique na imagem para ler o artigo, Negócios online)


Diz-se por aí, que pior que falar mal é não falar...
No caso da Moody's (son of a fitch), melhor mesmo, será escrever, espezinhar, gozar, atacar, esmagar, mantendo o baixo nível de comunicação que as gaiolas aglomeradas de especuladores frustrados (mais conhecidas por agências de rating), exibem, nas suas múltiplas tentativas para manter a instabilidade de vários países da UE.
Se o objectivo de Portugal é baixar o défice para 3% em 2013, ficou a saber mais uma vez, que não depende de sacrifícios destinados ao seu povo, que já se vai interrogando sobre quais serão as próximas medidas de austeridade, chegando a imaginar a automutiliação como derradeiro remédio, para salvar o bem estar dos especuladores, espécies que não usam mais que um por cento da sua capacidade cerebral.
Chegamos então ao ponto de conclusão que nos leva a dizer: "1% de inteligência consegue impedir a descida do nosso défice de 9.1%, para os pretendidos 3% em 2013!"
E esta?

Pierrot le fou

5.7.11

MOODY'S AO ATAQUE!
PORTUGAL, LIXO?!

(clique na imagem para ler o artigo, Jornal Público)


Lixo?
Portugal é lixo?
E o bom nome?

Mais uma vez, é com orgulho que a agência de especuladores e outros furúnculos da ma fé, (refiro-me à famosa Moody's) actua com desprezo, classificando Portugal como junk (lixo)...
Um grupo de saloios com colesterol elevado, que andaram a estudar economia e contabilidade, pode agredir e ofender um país, um povo e uma cultura, num relatório ordinário mal intencionado e o poder político fica calado no seu cantinho da fama e das regalias que não quer ver perturbadas por uma simples banalidade que não afecta os seus bons salários e futuras reformas.
Vivemos rodeados de economistas. Aliás, política é economia, para economistas (contabilistas de baixa qualidade) e negociantes que legitimam e orientam no caminho do desprezo humano!

Não passando duma classificação económica, é uma das causas para a instabilidade das economias internas dos estados, que infelizmente, já se habituaram a depender de notas arrogantes, por parte destas borrefas, que em nada representam o país que os promove, em nome da ganância e outros objectivos, como por exemplo pagar dívidas à China, com falsos lingotes de ouro. Podemos constatar que os americanos têm o poder de ofender os povos que quiserem, sem nunca sofrer consequências.

Vindo dos Estados Unidos, não admira. Um corte diplomático impõe-se! (por parte do país dos sucessivos governos de lambe-botas submissos que obedecem aos sistemas da maldade monetária globalizada? Nem numa ficção!)
A União Europeia tem fechado os olhos às infinitas formas de especulação (agressão) que têm travado a evolução dos cidadãos, e de qualquer comunidade bem intencionada, que desde há muito tempo depende da moral monetária imposta (interesses económicos dos intervenientes com poder decisivo e influente).

Pierrot le fou

SUBSÍDIO DE NATAL!

ACABAR COM AS BANHAS DO ESTADO!

DESEMPREGO?
PART-TIME PARA TODOS!
A ÚNICA SOLUÇÃO INTELIGENTE, SEM PARTIDOS POLÍTICOS!


Porquê o Part-time? Porque sim! (e mais nada!)
Com mais de duzentos milhões de desempregados pelo mundo, a solução é repartir o tempo (lucro, para os políticos! Coitados...) por todos.
Só assim. algum dia conseguiremos alcançar os direitos sociais e económicos, out of phase, com as teorias ultrapassadas das universidades e partidos políticos afinitários, que não participam nas prioridades humanas, banalizando com orgulho o seu potencial científico, que condiciona toda comunicação e evolução da sociedade, com programas financiados, que reservam o seu acesso a prototipos politicamente (academicamente) idealizados!
Doutores (teóricos encostados) em Portugal há muitos! Precisamos de estimular e valorizar os cidadãos práticos e criativos. São indivíduos capazes de "fazer" e de transmitir o conhecimento útil!
Se ainda confia nos economistas (políticos-contabilistas), continue!
Mais cinco mil anos a depender de incapacitados, incompetentes e ainda por cima, impotentes sexuais, ou com tendências não reprodutivas (assumidas), e o planeta azul torna-se no intestino castanho, dos académicos com micose cerebral, resultante do seu conforto e outros lucros que sempre idealizaram.

Beijinhos às bestas com gordura no cérebro e a outros conservadores das doutrinas do passado,

Pierrot le fou