28.2.10

Previsões para a Ilha da Madeira, em 2008...

O provisório mansinho por conveniência, incoformado com a sua estupidez e imcompetência flagrantes, ainda duvida dos teóricos?

6 comentários:

Marília Gonçalves disse...

quem sai aos seus....

Marilia

El Matador disse...

É sempre assim...

Marília Gonçalves disse...

AI meus amigos eu morro de desgosto por quanto se está a passar
pobres dos povos,pobre credulidade
abraço sentido
Marília

Marília Gonçalves disse...

Por favor, divulguem o mais possivel a nota abaixo, que estamos enviando à Imprensa e às autoridades.



Marisa Lajolo

http://www.rebra.org/escritora/escritora_ptbr.php?id=1025


Entre as centenas de brasileiros lamentavelmente surpreendidos pelo terremoto chileno, há um grupo de participantes de um Congresso Iberoamericano de Literatura Infantil. São por volta de quarenta, alguns dos quais convidados da fundação espanhola SM e do governo chileno. Entre estes, as duas brasileiras ganhadoras do premio Hans Christian Andersen, Lygia Bojunga e Ana Maria Machado, esta membro da Academia Brasileira de Letras. Estão também em Santiago escritores e ilustradores, funcionários do alto escalão do MEC e do MINC, pesquisadores e especialistas em literatura brasileira, bem como os promotores de nossas mais importantes iniciativas em prol da leitura. Ainda que todos passem bem, estão ansiosos por providências que permitam seu retorno ao país o mais breve possível. Contato: Hotel PLaza San Francisco. 56-26393832

Pierrot le Fou disse...

Infelizmente, a (força da) Natureza não escolhe vítimas, mesmo sendo superior à má fé e ignorância de certos (demasiado bem) remunerados da República, acrescentando aos actuais problemas, ainda mais preocupações e sofrimento, para os cidadãos mais desprotegidos!

Marília Gonçalves disse...

à opinião da comunidade internacional

as iranianas vão remover o véu como um manifesto de seu direito à liberdade e à dignidade.
Olá meninas e meninos,
Olá povo da paz,
Olá gente do bem,
Algumas vezes temos o privilégio de presenciar um grande e portentoso
movimento que muda a história. Dia 08 de março, Dia Internacional da
Mulher, as iranianas vão remover o véu como um manifesto de seu
direito à liberdade e à dignidade.
Este é um ato certamente heróico e a única protecção que lhes caberá é
a opinião da comunidade internacional no apoio ao seu direito, para
que elas não sejam vítimas de retaliação por seu gesto. O movimento é
pacífico e tem como finalidade despertar o mundo para o cuidado com
todas as mulheres que ainda vivem sob o jugo da opressão.
Mais do que testumunhas, podemos ser agentes dessa transformação.
Basta enviar sua mensagem para iranianalivre@gmail.com para que elas
sintam a força, o apoio e o sustento espiritual necessário para
realizar esse ato que vai beneficiar a toda uma dinastia de mulheres,
assim como outras já o fizeram por nós no passado.
É tempo de levantarmos os véus da ignorância, da opressão e da
violência que recaem sobre a sociedade humana, pois só assim seremos
capazes de habitar o mundo pacífico, justo e próspero que almejamos.
Reforço o pedido com o tema que me inspirou na gestão da BPW -
Associação de Mulheres de Negócios - durante minha presidência:
Sozinhas podemos pouco.
Juntas podemos muito.
Mas, unidas podemos tudo!
Contamos com sua mensagem para disseminar nas redes internacionais.
Dulce Magalhães
"Que eu aprenda a amar e me permita ser amada,
para que possa ver em cada ser um companheiro de vida
e encontrar em meu companheiro um portal para amar a todos os seres."