3.6.09

O Milagre do banqueiro
(obsessão e recompensa)


Molière, La Fontaine?


"Fui roubado! Roubaram-me! Aonde está o meu dinheiro?"

"Onde estás tu? Meu tesouro, força que me faz viver, minha matéria, de inestimável valor... meu tudo!
Aparece Dinheiro! todos me observam e satisfazem a sua existência, ao verem-me assim tão vulnerável... Volta!
Não me abandones neste momento de injustiça social, dirigida à minha sensível riqueza escondida!

Neste meu estado de desespero, nada me importará, uma nacionalização provisória da minha instituição aceitar, se o Estado assumir as minhas dificuldades e tratar este meu mal estar, com mais uma imposta contribuição, que meus habituais Ministros e deputados colaboradores, venham a cobrar a todos os distraídos e calados pagadores, da adormecida República... Eles são tantos!

Como é feia e pesada, esta tua dedicatória... que acredito ter caído em cima de mim, por tua inconsciência, acredito na tua boa fé e anseio pela reparação deste teu involuntário erro... Ó Deus, prometo-te melhorar-me, evoluir é o meu desejo,... sou um humilde banqueiro, um ser humano... por favor, preciso de um milagre!"

E assim foi...

No lugar do mentiroso e interesseiro declamador, que com a sua ardilosa irreverência, tudo fizera e reivindicara em seu nome, num instante tão breve quanto a premeditação das consequências da popularizada recessão, um fenómeno digno de primeiras páginas (...) e fóruns televisivos, aconteceu...
O homem acabava de transformar-se numa bolsa de material sintético, ...nas normas de certa união, que nos tempos em que decorreu esta história, fora conhecida por "europeia"...

Em resultado desta súbita metamorfose, em Nova Iorque, na 5ª Avenida, um turista pergunta: "Quanto custa essa bolsa?
- 19.99 Dólares, respondeu o comerciante.
- Só?
- Sim man, não passa de uma vulgar bolsa, que um sujeito aqui deixou para cobrir a diferença que faltava, para pagar um casaco que aqui comprou.
- Ainda melhor,... sabe... É tão raro encontrar uma bolsa que chora..."

Pierrot le fou

Sem comentários: